Sobre as incertezas no caminho

A grande verdade é que, nessa vida, a gente tá sempre tentando acertar, tentando fazer a coisa certa, tomar as decisões corretas que nos ajudem a chegar onde precisamos, que evitem o nosso sofrimento ou daqueles que amamos.
Mas outra grande verdade é que, em grande parte das vezes ou, pelo menos em algumas delas, não temos a menor ideia do que estamos fazendo e apenas seguimos em frente na esperança de estarmos fazendo o melhor, torcendo pra que tudo dê certo e termine bem no final.
Se fortalecer nesse processo pode ser difícil e podemos nos sentir sensíveis, frágeis… Suscetíveis ao dizer e fazer dos outros. Esse processo pode ser cansativo, desgastante, mentalmente desafiador e nem sempre vamos nos manter confiantes e fortalecidos o tempo todo, mas percorrer o caminho é necessário, mesmo sem a certeza de quando haverá uma linha de chegada, nem sequer tendo a certeza de que essa linha existe.
É preciso ter bom ânimo e nisso tudo é preciso também aprendermos a contar com a gente mesmo acima de tudo e de todos.

Raquel Núbia

5F0C474D-C69A-40CF-A144-6085DF6A5558.jpeg
Foto: Raquel Núbia. Muriaé/MG

 

Anúncios

Navegando

Uma foto borrada,
Uma imagem apagada,
Já nem sei mais quem sou.

Uma foto da estrada,
Um caminho no nada,
Já nem sei pra onde vou.

A foto de um sorriso,
De um lugar, um paraíso.
Nem sei onde pertenço.

Uma foto sem aviso,
De algo que eu nem preciso.
Já nem sei o que penso.

navegando

Uma foto, inspiro.
Um desejo, suspiro.
Não sei o que fazer.

Uma foto borrada,
Uma imagem apagada,
Já nem sei mais quem ser.

Raquel Núbia

Debilidade

Castelo de areia

Somos castelos de areia.
Equilibrando nossos grãos sobre esse solo incerto,
Sendo levados aos poucos pelo vento forte.
Nos cercam as rochas.
Nos cercam os mares.
Podemos ter a dureza da pedra.
Podemos ter a suavidade da água.
A nossa volta o dia pode nascer perfeito,
Abaixo de nós a noite pode cair selvagem.
Há calmaria às margens do oceano.
Podemos nos fingir de concreto
Mas, quando na tempestade,
Sentimo-nos ceder pouco a pouco
Pois…
Somos castelos de areia.

Raquel Núbia

Reviravolta

black-and-white-delicate-dress-girl-windy-Favim.com-41777 Num dia tudo caminha…
As mesmas alegrias, as mesmas tristezas, as mesmas emoções.
Tudo segue bem, prossegue na normalidade, na calmaria, até que…
Até que o peito dispara.
Até que os olhos saltam.
Até que a mente acelera.
Até que os pensamentos viajam sem controle.
Se perde a fome,
Se perde o sossego,
Se perde o sono,
Se perde,
Perde a si.
A vida tem dessas… Marota que é, fica à espreita aguardando o melhor momento para tirar da rota tudo que estava tão resolvido. Coloca tudo em uma corda bamba que samba pra lá e pra cá… Que exige aquele equilíbrio que não se sabe onde escondeu, que pede aquela calma e aquele jeito faceiro de dar a volta por cima, respirar fundo, ignorar o perigo da queda, se focar no objetivo e seguir em frente sem olhar pra trás, muito menos para os lados.
Por que é tão difícil tomar uma decisão quando já se sabe a resposta antes mesmo de ouvir a pergunta?
O certo sempre será certo. Mas e o errado, se pode consertar?

Raquel Núbia