A força dos pensamentos

Hoje lendo alguns posts antigos da talentosa e linda Lu A. Souza no blog Acid Lemon, encontrei esse aqui, onde ela fala um pouco sobre como alguns pensamentos podem afetar nosso humor e nosso dia mesmo quando tudo está indo bem.
Na Psicologia chamamos de “pensamentos intrusivos” aqueles pensamentos que “causam ansiedade, destroem a autoconfiança e fazem o indivíduo pensar em coisas e fatos ruins. Quem tem pensamentos intrusivos costuma sempre esperar que coisas ruins aconteçam, desconfia das pessoas (até mesmo, de pessoas próximas e queridas) e tende a ser inquieto e impaciente. Uma das causas mais comuns para o surgimento dos pensamentos intrusivos é a ansiedade.” (Fonte: IBC Coaching)
Esse tipo de pensamento funciona muitas vezes como uma forma de auto sabotagem e pode nos atrapalhar bastante quando tentamos traçar planos, objetivos ou realizar alguma tarefa.
É muito difícil lidar com esses pensamentos… Mas, mesmo sendo difícil, não é impossível. Me identifiquei muito com o que a Lu escreveu nesse post, ainda mais sobre a vontade que sentimos, às vezes, de deixar tudo de lado pois, são tantas as coisas que passam pela nossa cabeça que fica complicado filtrar quais são as ameaças reais daquelas que não fazem sentido.
Quantas vezes quis dessitir de tudo e até mesmo excluir todas as minhas coisas… Blog, Fanpage, perfil no Facebook e apenas levar uma vida “comum” e apegada na realidade do que posso ver e tocar e não no mundo virtual. Cheguei a fazer isso uma vez, excluí a página que tinha para meu Blog e meu perfil… Mas depois de um tempo eu voltei, nem sei porque.
Vez ou outra escrevo sobre isso, sobre a minha necessidade constante de me lembrar sempre os motivos certos para fazer as coisas que faço, simplesmente para não cair na besteira de fazer algo para provar um ponto de vista ou “dar uma lição” em alguém.
Sinto que com as cobranças exteriores e interiores que sofremos hoje, essa ansiedade tem sido cada vez maior e por isso é preciso ficarmos atentos, pois somente identificando o que nos desestabiliza conseguimos neutralizar o poder desses gatilhos.
Vamos tentar?

img1507851948773
Raquel Núbia. Foto: Leandro Oliveira – Rio das Ostras/RJ

 

 

04° indicação – Mystery Blogger Award

A Tayna Caroline do Blog Edificação Particular indicou o Verba Volant ao Mystery Blogger Award, somando esta a quarta indicação do blog. Deixo os links das outras portagens referentes ao prêmio aqui, aqui e aqui para que vocês possam ler.
Abaixo responso as perguntas que a Tayná me fez:

Por que você escolheu ser blogueiro/a?
Na verdade eu não escolhi ser blogueira, eu escolhi ter um blog, rsrsrsr… Sempre que falam de blogueira me vem na mente pessoas mais voltadas ao mundo da moda, design e meios afins e eu não me encaixo nisso. Enfim, escolhi fazer o blog para compartilhar com quem quer que seja um pouco do que escrevo. Sempre escrevi e esse hábito diz muito de mim, depois de muito tempo mantendo tudo pra mim e para meus amigos, tive a ideia de fazer um local público para registrar. Isso me ajudou na obrigação de digitar o que escrevo, pois amo escrever a mão, e acabou que abriu as portas para outras paixões como a fotografia, que tenho utilizado muito por aqui e isso faz com que toda oportunidade de garimpar imagens seja aproveitada. E além disso tudo, manter o blog ativo exige criatividade, então acabei dando espaço ao canto que é algo que gosto muito, sempre fiz, mas não costumava compartilhar.

O que seu blog significa para você?
Meu blog significa um espaço de expressão e troca com outras pessoas que possuem o mesmo interesse do que eu. Gosto de rever meus textos mais antigos e ver como mudei minha forma de escrever e de pensar. Manter o blog significa manter um espaço todo meu, onde tenho total poder de escolha e decisão e onde me dedico a algo que, se pudesse, faria como profissão.

Quando você criou o blog?
Tenho o domínio no wordpress há cinco anos, pois tinha um outro blog literário que excluí por motivos pessoais. O Verba Volant completará 03 anos em setembro deste ano.

print
Mensagem do WordPress pelo “aniversário” de registro.

O que te motiva a continuar?
A interação com as pessoas que chegam até o Blog é um grande incentivo. Sinceramente se eu tivesse um blog que ninguém lê, provavelmente manteria apenas um diário pessoal. Mas o que me motiva também é um pouco do que citei acima, a obrigação de manter um projeto pessoal independente de vida profissional, o qual faço por puro prazer e satisfação e que me permite elaborar e me recuperar do dia a dia que exige tanto.

Qual é o blog que você mais se identifica?
Não me sinto confortável de citar um só, mas são, em geral todos os poucos que sigo.

Imagem1

Abraços,

Raquel Núbia

 

Cólera

Que ciúme que me abate
E essa tristeza insistente,
Escondido, num sussurro
Gritando uma dor latente.

Que ciúme que me rouba
O sorriso ou coisa parecida.
Que me abriga numa dor
No medo de ser esquecida.

Tão terrível sentimento,
Desenfreado e crescente.
Ciúme sopra no ouvido
Que não sou suficiente.

Sentimento tão terrível
Crescente, desenfreado.
Ouvido aberto pro ciúme
De quem sente não ser amando.

Raquel Núbia

img1496603457403-01
Raquel Núbia – Foto: Leandro Oliveira

O que é você

Continuando no intuito no post anterior, compartilho hoje mais um conteúdo antigo que ainda não havia sido postado. Essa é do ano de 2009:

“O que é você

Que abraço é esse?
Que braços são esses que insistem em me envolver?
Que abraço é esse que afasta o que há de ruim?
Que mãos são essas?
Que toque suave e ardente possuem…
Mãos que dizem tudo quando encontram minha pele…
Mãos poderosas que controlam até minha respiração…
Que boca é essa?
Que abriga o mais belo sorriso, que diz os maiores feitiços…
que beija o melhor dos beijos…
Que sonho é esse?
Que sonho é esse que insisto em viver?
Que tira eu sono, me revira na cama…
Que me enche por todos os poros com o sabor da incerteza
com essa dor de não saber…
Esse sonho que estampa no meu rosto o mais lindo sorriso,
que transfere para o papel o mais nobre sentimento…
Esse sonho são seus braços,
seu abraço,
suas mãos e sua boca…
Esse sonho é você.
Que teima em me fazer te querer cada vez mais.
Que faz com que cada dia seja a mais doce e prazerosa tortura,
por te amar tanto,
fazer você sentir esse amor e ainda assim,
não poder te ter, e ainda assim,
não poder dizer…”

Raquel Núbia

IMG_20160905_155306313
Foto: Raquel Núbia

Atimia

Tem hora que parece que volto no tempo e me voltam interesses de tanto tempo atrás. Eu começo a querer fazer coisas e ter sentimentos velhos, fico saudosa do que já vivi, as alegrias que tive e das coisas que já senti.
Bate uma nostalgia… uma falta de algumas pessoas, das histórias ligadas a elas, das situações, até dos cheiros, sensações, das roupas, dos planos e dos sonhos.
Quando menos espero, percebo que tudo isso está num passado tão distante, que essas pessoas das quais sinto saudade, aliás, mais nostalgia, estão em outro momento, assim como eu também estou, mas sem nem sequer devem se lembrar desse passado.
Eu tenho sempre saudade do céu azul limpinho e das manhãs frias que o acompanhavam… do sol quentinho das 9h30, do perfume e do cheiro das pessoas. De como costumava achar tudo tão importante e da vontade que tínhamos de resolver tudo de pressa.
Nossos maiores problemas estavam sempre no futuro e agora que o futuro chegou, o presente traz problemas tão maiores… nos quais eu não vejo importância, nem urgência, muito menos vontade.
O futuro chegou e eu acho que meu eu do passado não está nada orgulhoso do eu de hoje e assim eu não vivo nem lá, nem cá.
Por que as manhãs não podem ser sempre frias e de céu azul?

Raquel Núbia

Tiradentes (3)
Foto: Raquel Núbia – Tiradentes/MG

Os tombos pelas estradas da vida

Passa dia, volta dia e vez ou outra o ponteiro cai de novo.
São horas a fio girando os pedais para fazer a roda girar mas depois das descidas à solto e das subidas difíceis as pernas adormecem e pedalar não é mais tão fácil assim.
Os pedais param e a bicicleta cai.
Sabe Deus quantas vezes esfregamos a poeira da roupa, sopramos os joelhos ralados e voltamos a nos equilibrar sabe se lá porque.
Mas em alguns dias os machucados doem mais e as penas simplesmente desobedecem. Não é que o corpo não segue as ordens da mente… É que até a cabeça quer parar.
Nessas horas nos recostamos na calçada e assistimos aos outros passarem, sozinhos, em bandos e imaginamos se vamos encontrar forças para alcança-los.
Assentados ali, num canto de asfalto, não há ninguém que compreenda porque paramos e há aqueles que ao nos verem tombar, optam por não enxergar, por não se envolver.
E então, sem mais nem menos, voltamos a pedalar… Sem vontade, sem esforço, seguindo um caminho que já está traçado. Evitando abrir novas trilhas. Afinal, sem desejo, pouco importa para onde vamos.
Seguimos apenas porque nos disseram que temos que ir.

Raquel Núbia

img1498228536655
Foto: Leandro Oliveira – Tiradentes/MG

 

Versitile Blogger Award – Indicação n° 03 Verba Volant

E a gente fica mesmo muito feliz por receber essas indicações, pois é uma forma de reconhecimento de pessoas compartilham da mesma paixão e do mesmo carinho por esse mundo de palavras por onde nos aventuramos todos os dias quando temos um Blog.
O blogger Aderito Mepo que gerencia este blog, indicou o Verba Volant novamente a este rêmio.
Como meu blog já foi indicado outras duas vezes, deixo aqui e aqui os links das minhas respostas à exigência da tag para que vocês possam conferir e agradeço à indicação do Aderito, a qual reagi com a mesma empolgação e felicidade de sempre!

Imagem1

Abraço,

Raquel Núbia

Fui indicada! “Versatile Blogger Award”

A Renata, autora do site Mentes e Mulheres (link abaixo), me indicou para o “Versatile Blogger Award” e este post faz parte da continuidade do projeto que é o seguinte:
“Blogueiros” nomeiam outros blogueiros que acreditam merecer o reconhecimento pela alta qualidade e destaque na escrita, o conteúdo singular, paixão e amor demonstrado através do blog , assim como as fotos utilizadas nas postagens.

Regras:
Após ser indicado, o escritor/blogueiro deve:
– Agradecer ao blogueiro que o indicou e compartilhar seu link.
– Indicar até 10 blogueiros/escritores para o prêmio e indicar o link para seus blogs/sites e informá-los sobre a nomeação.
– Revelar 7 fatos sobre você mesmo que seus leitores talvez não saibam.

O agradecimento:
Encontrei o Blog da Renata em uma das minhas pesquisas diárias de conteúdo no WordPress. Não me lembro bem qual o texto estava em destaque mas me chamou a atenção para realizar a leitura na íntegra e, após isso, continuar acessando as postagens. São textos com os quais me identifico e o fato de alguns deles serem escritos em inglês me dá a oportunidade de treinar minha leitura e escrita nessa língua. Citei o blog “O que que houve agora” (antigo domínio utilizado que hoje é “Mentes e Mulheres”) em um dos dias do 30 Day Blog Challenge, que inclusive vi primeiro no blog dela, e tive a grata surpresa de ser citada agora.
Obrigada Renata! ❤

Meus indicados:
Há alguns dias fiz um post falando sobre isso, e basicamente meus indicadores são os mesmos:

1. Mentes e Mulheres
2. Vida Intensa Vida
3. Senhorita Oculta

Os 7 fatos que vocês, leitores, talvez não saibam sobre mim:
1. No ano de 2014 escrevi 6 capítulos de um livro, mas desisti de terminá-lo pouco tempo depois porque a história deixou de fazer sentido para mim;
2. Eu tenho um canal no youtube – Raquel Núbia – onde posto algumas coisas aleatoriamente;
3. Eu tinha uma página para o Verba Volant que foi criada no final de 2015, mas a excluí pouco tempo depois e a refiz no início desse ano;
4. Minha cor favorita é lilás/roxo;
5. Apesar de escrever e publicar bastante coisa, eu sou extremamento introspectiva;
6. Minha melhor amiga está grávida ❤ e eu estou muito feliz por ela!
7. Faz 4 meses que eu não faço nenhuma tatuagem;

Versatile-Blogger-Award
Imagem: www.dotonherway.com

Abraços,

Raquel Núbia