O que é você

Continuando no intuito no post anterior, compartilho hoje mais um conteúdo antigo que ainda não havia sido postado. Essa é do ano de 2009:

“O que é você

Que abraço é esse?
Que braços são esses que insistem em me envolver?
Que abraço é esse que afasta o que há de ruim?
Que mãos são essas?
Que toque suave e ardente possuem…
Mãos que dizem tudo quando encontram minha pele…
Mãos poderosas que controlam até minha respiração…
Que boca é essa?
Que abriga o mais belo sorriso, que diz os maiores feitiços…
que beija o melhor dos beijos…
Que sonho é esse?
Que sonho é esse que insisto em viver?
Que tira eu sono, me revira na cama…
Que me enche por todos os poros com o sabor da incerteza
com essa dor de não saber…
Esse sonho que estampa no meu rosto o mais lindo sorriso,
que transfere para o papel o mais nobre sentimento…
Esse sonho são seus braços,
seu abraço,
suas mãos e sua boca…
Esse sonho é você.
Que teima em me fazer te querer cada vez mais.
Que faz com que cada dia seja a mais doce e prazerosa tortura,
por te amar tanto,
fazer você sentir esse amor e ainda assim,
não poder te ter, e ainda assim,
não poder dizer…”

Raquel Núbia

IMG_20160905_155306313
Foto: Raquel Núbia

Eu tenho

Tenho mãos que me protegem,
Tenho braços que me cercam,
Tenho um corpo que me aquece,
Tenho olhos que me velam.

Tenho um sol brilhando em mim,
Tenho estrelas e luar,
Tenho um sonho pra viver,
E um motivo pra acordar.

Tenho gozo ao dormir,
Tenho paz ao repousar,
Olhar que reflete a mim,
Melodias no falar.

Corpo e alma em suas mãos,
Coração pulsa ao te ter,
Tenho um lugar só meu,
Conquista por amar você.

Eu tenho

Raquel Núbia

Felicidade, o que é?

E o que é a felicidade senão esse sentimento de inesperado cercando cada momento do dia?
O que é felicidade senão essa sensação de que, apesar de correr sem controle o mundo pára quando estamos juntos?
O que é felicidade senão o conforto dos seus braços depois da espera e da distância?
Toda a angústia traz no final o gozo de deixá-la ir embora… de deixá-la longe quando você está perto.
Todos os medos são porto seguro, quando você me abraça;
Todas as lágrimas tem doce sabor, quando quem acaricia meu rosto é você;
Todas as tristezas tem recompensa na alegria, quando acordo a noite e o rosto que eu vejo é o seu.
Toda a sensação de vazio é preenchida quando ouço o som da sua risada;
Todo sentimento de abandono é suprido quando os braços que me protegem são os seus;
Toda tortura da espera é prazer, quando é seu corpo que toma conta do meu.
Toda dúvida que tenho desaparece quando vejo nos seus olhos o brilho muito mais intenso que eles tem quando você está comigo.
E se não for isso a felicidade pouco me importa…
Porque “felicidade” é o nome que dei à sorte de poder ter você do meu lado.

789654
Raquel Núbia