Nem sei

Amedronta sentir o arrepio da dor que massacra o peito quase impedindo por completo de respirar… Amedronta o encontro com esse sentimento já conhecido e antes saudoso por tanto tempo longe. Não há como elaborar uma razão, não há como apenas pensar.
Esta sensação sufoca e as forças se perdem, não há mais pelo que lutar, todas as horas vividas foram transformadas em segundos de pó, colocados em um caixa velha e trancafiados numa gaveta escura de um armário qualquer, de onde nunca mais vão ser retiradas.
Há vergonha no caminho.
E não há como saber no que e em quem acreditar, toda a confiança se foi e agora não há um caminho a seguir… O que existe é cansaço, e ainda será assim quando tudo acabar. São tantas as palavras que não há como selecionar em qual acreditar, não há nem como saber se deve-se acreditar em alguma.
Afinal como identificar as mentiras, das verdades que se quer ouvir?

nem sei

Raquel Núbia

3 respostas para “Nem sei”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s