Aprendiz

Quantas vezes é preciso cair antes de aprender a permanecer de pé?
Quantas vezes é preciso chorar antes de aprender a manter o sorriso?
Quantas vezes é preciso prender o nó na garganta antes de aprender a falar?
Quantas vezes é preciso perder o momento antes de aprender…
São tantas incertezas escondidas no meio de tanta monotonia. É muita falta de ação aprisionando uma mente tão inquieta.
Que coração é esse que deposita cada batida no pulsar de outro?
Se coloca assim, tão aberto, se deixando tão exposto para se machucar. Não aprende a bater sozinho porque se coloca cada vez mais dependente de um sopro que vem de fora.
Por que faz assim?
Quantas vezes mais…

PICT0011(3)
Foto: Raquel Núbia

 

Raquel Núbia

Uma resposta para “Aprendiz”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s